quinta-feira, abril 07, 2011

Como lidar com a culpa e com a raiva

No texto dessa semana (clique aqui) Thich Nhat Hanh responde perguntas sobre como lidar com dois sentimentos que temos com frequência: culpa e raiva.

Como lidar com a culpa de algo que deveríamos ter feito ou que fizemos? Como lidar com isso a luz da pratica budista? Como lidar com a raiva? Como evitar que ela nos consuma e que nos leve a fazer coisas que depois nos arrependemos? O texto sugerido foi tirado de uma sessão de perguntas e respostas em um retiro em Plum Village, na França, aonde Thich Naht Hanh vive.

Se você quiser ler a nossa newsletter semanal clique aqui ou nos mande um e-mail (clique aqui) para passar a recebê-la diretamente.

Um comentário:

Um principiante, apenas isso. disse...

Apesar de praticar o Budismo há muitos anos, nunca havia compreendido o conceito de "abraçar sua raiva". Há poucos meses sofri uma profunda injustiça, algo gratuito e covarde que provocou-me uma imensa dor. A dor persisitiu por muito tempo e gastei muita energia lutando com ela. A partir do momento em que paraei com a auto-comiseração, aceitei o que me fizeram e comecei a lidar com a realidade no qual me encontrava, tudo começou a mudar. Até mesmo a minha visão sobre quem me injuriou. A ceitação da minha raiva e a percepção de como ela fortalecia meu ego (minha falsa auto-imagem) foi o início de sua dissipação. Paz, Força e Consciência à todos.