quarta-feira, agosto 19, 2009

Budismo e Psicoterapia

Muitos de nós querem reunir a prática da meditação e a psicoterapia, porque todos nós queremos curar a nós mesmos e curar o mundo; queremos tirar o melhor do insight ocidental sobre psicologia, psicoterapia e também do budismo, porque há no budismo insights muito profundos sobre nossa mente, como transformar nossa mente, como sofrer menos, como encerrar o sofrimento.

Nessa semana sugerimos a leitura de um texto (clique aqui) onde Thich Nhat Hanh mostra como juntar essas duas abordagens. Thay diz que nós temos algumas dificuldades em tentar reunir as duas coisas, por causa da nossa maneira habitual de pensar.

Se você quiser ler a nossa newsletter semanal clique aqui ou nos mande um e-mail (clique aqui) para passar a recebê-la diretamente.

3 comentários:

Enilda Dantas disse...

Esse texto é uma maravilha divina, é o verdadeiro alimento que o mundo precisa. Estou muito feliz pela oportunidade de conhecê-lo, me troce grande entendimento. Sua combinação com a psicoterapia tornará o mundo em perfeita harmonia em todos os seus aspectos.
Paz para todos nós!


Enilda Dantas

Humano disse...

Há uma profunda sintonia entre o budismo e a psicoterapia, permitindo que ambas as expressões da sabedoria humana se juntem e se coloquem a serviço de todos a que a eles recorrem, aproveirando os ensinamentos profundamente humanos que exprimem.

Buda disse...

Adoro esse blog, fantástico! Gratidão :D