quarta-feira, janeiro 23, 2008

A Rosa e o Lixo

O texto dessa semana (clique aqui) descreve de uma maneira muito clara e interessante o conceito de interser. O ensinamento pode ser resumido em "Isto é porque aquilo é. Isto não é porque aquilo não é. Isto é deste jeito, porque aquilo é daquele jeito".

Não parece nada impressionante e é até óbvio, mas quando lemos o texto vemos as implicações profundas dessa declaração. Ao refletir sobre esse princípio de inter-relação entre todas as coisas percebemos conexões e relações não muito claras dentro da nossa maneira habitual de ver o mundo. Thich Nhat Hanh nos ensina: "A opulência de uma sociedade é feita da miséria da outra." Também ensina que "você não pode ser apenas bom. Você não pode esperar remover o mal, porque graças ao mal, o bom existe, e vice-versa."

Se você quiser ler a newsletter semanal clique aqui ou nos mande um e-mail (clique aqui) para passar a recebê-la diretamente.

2 comentários:

Roberto disse...

A primeira vez que vi e ouvi Thich Nhat Hanh falando sobre o interser foi num filme baseado em Hamlet. O budismo vai além do ser ou não ser, ele prega o ser e o não ser. Um a causa e a conseqüênica. Essa idéia, para nós, pode parecer absurda. O que a torna mais verdadeira. Liberta nossa mente.

andrea disse...

Acredito muito no fato de termos presentes em nós mesmos o lado positivo e negativo tb. Ninguém é totalmete bom ou totalmete mal. O que deve existir é o equilíbio de ambas as parte para que possamos caminhar em paz e rumo a feliciadade dia-a-dia.
E, td que está ao nosso redor tem as duas faces tb. E, nós estamos um interligados uns com os outros e o universo, logo é de suma responsabilidade td que acontece em nossa volta, possui um pouco de nós mesmos.
Obrigada por sempre me enviar os ensinamentos de Thay, apesar de estar tomando outros caminhos, estimo muito td que vêm para somar e me fazer, nos fazer, pessoas melhores!
Um grande abs, Andrea.