quarta-feira, abril 09, 2008

O Buda é Você Mesmo

No texto sugerido dessa semana ( clique aqui ) Thich Nhat Hanh comenta um dos ensinamentos do mestre Linji. Nele Linji diz que temos que retornar e ter confiança em nós mesmos. Não deveríamos esmolar por migalhas dos outros, sejam eles o Buda, os mestres, os professores espirituais, os sutras ou outras escrituras.

As coisas que procuramos não estão nesses lugares. Essa mensagem aparece com freqüência nos ensinamentos do Mestre Linji. Se procurarmos por algo fora de nós, nunca encontraremos. Temos, dentro de nós, todas as sementes da budeidade.

Se você quiser ler a nossa newsletter semanal clique aqui ou nos mande um e-mail (clique aqui) para passar a recebê-la diretamente.

5 comentários:

Leticia de Paiva Rothen Sato disse...

Muito obrigada por este texto. Engraçado que ontem mesmo, lavando uma panela, percebi que minha vida era ali. Não há vida fora daquilo que a gente está fazendo agora...

****** DENYSE****** disse...

gostária de saber uma oração para buda

****** DENYSE****** disse...

buda é um santo???

ele era evangélico??

Bia disse...

eu confesso q às vezes procuro fora de mim essa força e coragem q o texto fala. E nem sempre é tão simples "me lembrar" de que ela está tão perto d mim...
mas nesse momento, estou feliz pela oportunidade de me lembrar desse "detalhe" q faz toda a diferença.
=)
obrigada sangha!

Leo disse...

Buda não era um Deus. Era uma pessoa como nós que viveu 600 anos antes de Cristo (e por isso não era evangélico)que queria encontrar modos de eliminar o sofrimento humano. Depois de encontrar esse caminho ensinou para inúmeras pessoas por mais de 40 anos.

Se quiser orar para Buda diga: Inspirando, sei que estou vivo. Expirando, relaxo. Inspirando, habito o momento presente. Expirando, sei que esse momento é maravilhoso.