quinta-feira, dezembro 07, 2006

Sem Objetivo

Sugerimos a leitura do texto em anexo (clique aqui) onde o Thay comenta que no Ocidente, somos muito direcionados para os objetivos. Sabemos onde queremos ir e direcionamos nossas forças para chegar lá. Ele diz que isso pode ser útil, mas muitas vezes nos esquecemos de apreciar também o caminho.

Ele nos lembra que você não deve colocar um alvo à sua frente e sair correndo atrás dele, porque tudo já está aqui em você mesmo.

Leia e pratique!

Para ler a newsletter semanal clique aqui. ou nos mande um e-mail (clique aqui).

Para obter o texto clique aqui.

4 comentários:

Anônimo disse...

Sem objetivo. Foi uma grande descoberta uma frase de Osho que li há alguns dias. A base da meditação é não fazer nada. Isso para mim significa que meditar é se ligar na vida, simplesmente estar vivo e fazer parte do todo que nos criou e no qual vivemos.

Leo disse...

Viver sem objetivos talvez seja para mim um dos mais difíceis. Estou senpre colocando metas e objetivos na minha frente. Talvez pelo adestramento profissional que moldou minha mente, não sei...

O fato é que fiz pequenos avanços e aos poucos tenho insight, e relaxo. São pequenos momentos contra a maré, mas são preciosos.

Apenas parar e ... parar. Desfrutar a vida com toda a intensidade nesse único momento onde posso viver e me conectar com o todo.

Roberto disse...

"Muitos pacientes querem se ver livres dos sentimentos dolorosos, mas não querem se livrar das opiniões, dos pontos de vista que são as verdadeiras raízes dos seus sentimentos. "

Queremos milagres e não nos modificar. Queremos que outros façam o trabalho que temos que fazer.

heide disse...

Tenho tentado ficar na maré e atentam. Muitas vzs a grande onda e a correteza me arrrastam, por breves momentos flutuo, apesar do tumulto.
Abaixo de mim a profundeza do mar acima o incomensurável.
Fico assim boiando, boiando no meio sem esquecer dos dois.
Bjs, shanti